Dagoberto Aranha Pacheco

Livro: A ECONOMIA AMERICANA

Novo livro do escritor Dagoberto Aranha Pacheco, A ECONOMIA AMERICANA – Formato PDF, 95 páginas, distribuição gratuita. UM LIVRO PARA SER LIDO POR NÃO ECONOMISTAS “Este livro mostra a evolução real da economia americana, faz um paralelo com o que ocorre no Brasil, indica as perspectivas futuras e ensina o que cada leitor atento pode fazer para se defender através do conhecimento que vai adquirir aqui.. Dagoberto Pacheco.” Resenha do livro A ECONOMIA AMERICANA por Alex Smith Waller (alexwaller8@terra.com.br), from Londres, Inglaterra   A ECONOMIA AMERICANA – Apresentação Estamos contemplando um mundo novo em acelerada transformação, onde jovens imberbes abandonam a universidade para empreender e se transformam em bilionários antes de completar 30 anos. Os estudos universitários já não importam ou estão defasados para os novos tempos? Inversamente, empresas sólidas e tradicionais estão sendo varridas do mercado e multimilionários estão empobrecendo. Na década de 90, do século anterior, Dagoberto Pacheco previu exatamente o que está ocorrendo agora, em sua ANTOLOGIA PESSOAL, sucesso…

BRASIL, PAÍS EMERGENTE?

Dagoberto Aranha Pacheco No ANO 2001 o termo BRIC, sigla formada pelos países Brasil, Rússia, Índia e China foi criada pelo economista do grupo Goldman Sachs, Jim O’Neill.  Recentemente o criador da sigla veio a público para informar que o Brasil não deveria, na realidade, pertencer ao grupo. Um país para ser emergente, segundo a classificação de O’Neill, deveria apresentar várias características, entre elas: -mão de obra farta em processo de qualificação. -investimentos em infraestrutura como portos, aeroportos, ferrovias, estradas, produção e distribuição de energia e investimentos em energias renováveis, entre outros. -produção e exportação em expansão -economia em crescimento constante (PIB) -desenvolvimento da expansão digital com inclusão da população mais carente. -mercado de capitais forte com crescimento na participação de investimentos estrangeiros. -investimentos privados e estrangeiros em vários setores da economia. -fortalecimento do comercio internacional, maior abertura e redução sensível de práticas protecionistas. -redução do tamanho do estado e das intervenções na economia, reformas estruturais que reduzam a burocracia,…

BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 20/12/2013

ÍNDICE BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 20 12 2013 Recordando, o I. Bovespa, a partir do ponto mínimo atingido no auge da crise financeira, pela onda primária IV em 30/10/2008, na cota 29.435, subiu rapidamente até a cota 71.989 que constituiu a finalização da onda intermediaria (1).  Vale ressaltar que não superou a cota histórica 73.920,  final da onda primária III, anterior ao estouro da bolha,  nos EUA.  A partir do final de (1), está em formação a onda intermediaria (2) há exatos 3 anos e 8 meses, através de vários tríplices num canal declinante de linhas paralelas e com volume crescente. É um longo período  Bear, mesmo quando outros mercados do exterior vêm apresentando crescimento continuado. O último suporte técnico, 45.693, foi varado não completamente pelas barras semanais, como pode ser visto no gráfico logo abaixo, atingindo a cota mínima 44.107. Seguiu-se uma  forte alta que necessitaria superar a última resistência 68.969 (B), mas isso não aconteceu, razão pela qual…

A quem não sabe o que está acontecendo no Brasil, este é um texto traduzido da CNN Americana:

“O que REALMENTE está por trás das manifestações no Brasil? Os protestos que vêm ocorrendo no Brasil vão além do aumento de R$ 0,20 na tarifa dos transportes públicos. O Brasil está experimentando atualmente um colapso generalizado em sua infraestrutura. Há problemas com portos, aeroportos, transporte público, saúde e educação. O Brasil não é um país pobre e as taxas impostos são extremamente altas. Os brasileiros não veem razão para uma infraestrutura tão ruim quando há tanta riqueza tão altamente taxada. Nas capitais, as pessoas perdem até quatro horas por dia no tráfego, seja em automóveis ou no transporte público lotado que é realmente de baixíssima qualidade. O governo brasileiro tem tomado medidas remediadoras para controlar a inflação apenas mexendo nas taxas e ainda não percebeu que o paradigma precisa compreender uma aproximação mais focada na infraestrutura. Ao mesmo tempo, o governo está reproduzindo em escala menor o que a Argentina fez há algum tempo atrás: evitando austeridade e proporcionando…

Índice Bovespa – Atualização em 11/06/2013

Índice Bovespa – Atualização em 11/06/2013 Como consta de minha última análise, que pode ser vista logo abaixo, o índice ficou oscilando no túnel  formado pelas linhas de resistência (60.882) e suporte (55.883). Embora tenha conseguido varar a linha superior não se sustentou. Os osciladores e indicadores, são 18 ao todo que monitoram os movimentos do ativo, não deram sinais convincentes de uma alta sustentável e logo o índice voltou obediente para o túnel.  A previsão, na analise anterior, era de que se o índice rompesse a linha inferior de sustentação baixaria para o próximo suporte em 49.432 (situação atual). Como desenhou a formação de um ‘M’ a perna direita tende a ser mais longa, ou seja, o suporte 49.432 será rompido em breve e a onda intermediaria (2) finalizará próximo do nível de A(47.793). É chegado o momento do rebote e o índice poderá subir com força no bojo da onda intermediaria (3) de longo percurso. Bons investimentos. ===========…

New lessons of abyss

All traditional families are alike. But each one manage their conflicts in its own way. Love, treason, loyalty and redemption, in a story with a high level of mistery and suspense. An intriguing first novel by the Brazilian writer Dagoberto Aranha Pacheco. Tenho a grata satisfação de levar a vocês, diretamente aqui de Nova York, esta grande noticia: dia 14 de maio, foi lançado meu novo livro, editado em inglês pela KB+, da KBR Editora para ser comercializado e distribuído pela Amazon em escala mundial. Este é um grande acontecimento para a difusão da literatura brasileira e está sendo feita sem ajuda de incentivos e recursos públicos, apenas com muito trabalho, suor e méritos. O autor emocionado agradece. Abraço grande do Dagoberto  

ÍNDICE BOVESPA Atualização 28/03/2013

ÍNDICE BOVESPA  Atualização 28/03/2013 Como foi previsto na vez passada, (veja analise logo abaixo) o Bovespa teria de cair e assim vem fazendo: rompeu o primeiro suporte, o segundo, o terceiro e poderá interromper a queda no quarto, em 52.212 ou no quinto, em 49.432, este menos provável, mas possível, quando completaria a perna ‘c’  do tríplice gêmeo e finalizaria a perna ‘C’ de grau superior, completando também a onda intermediaria (2). Só então estará livre para subir de forma contínua em várias ondas no bojo da onda (3) de longo prazo. De qualquer forma, o momento é propício para ir entrando no mercado com cautela, pinçando oportunidades de forma seletiva o que resultará em longo prazo numa lucratividade compensadora e remuneradora da paciência e da boa estratégia. Bons investimentos. =============== ÍNDICE BOVESPA – Atualização em 12/Março/2013 Vejam que estrutura interessante está em formação. Como poderão observar da analise passada, logo aí abaixo, afirmei que se a resistência 58.313 fosse…

Trilogia Dagoberto A. Pacheco, Vídeo 3 – Jesus e sua experiência de Unificação

Este vídeo é a terceira e última parte da Trilogia, que procura mostrar um pouco da essência dos ensinamentos de 3 grandes mestres que influenciaram a própria História da Humanidade. Este trata de Jesus e sua experiência de Unificação.

Trilogia Dagoberto A. Pacheco, Vídeo 2 – O Budismo e o significado da ENTREGA

Saiu o segundo vídeo da Trilogia. A história se refere ao budismo e ao significado da ENTREGA. Se gostarem colaborem com meu propósito de incentivar a transformação das pessoas para o lado positivo da vida, divulgando este projeto

OPINIÃO – 26/02/2013

Os mercados acionários do mundo inteiro estão para sofrer um turbilhão na próxima semana, inicio de março. Em primeiro lugar, os analistas não se entendem, os políticos menos e a volatilidade, associada ao índice de medo que vem aumentando, toma lugar sob os holofotes. Marc Faber, investidor de grande prestígio afirmou recentemente que o mercado de ações atingiu seu topo e não haverá crash se o mercado se mantiver no atual nível. Já Dennis Gertman respeitado formador de opinião não concorda. Sugere vender ações e manter dinheiro na conta para comprar após a grande queda que virá. Outros discutem que o QE3, o programa de flexibilização monetária do FED, o Banco Central Americano, será descontinuado e este será motivo bastante para a queda nas bolsas de forma a perder tudo que acumulou de ganhos em 2013.  Acho que a descontinuidade do programa QE3 não ocorrerá pelas seguintes razões: Vários indicadores mostram que cresce a perspectiva de recessão nos EE.UU no…

ÍNDICE BOVESPA – Atualização em 29/Janeiro/2013

ÍNDICE BOVESPA – Atualização em 29/Janeiro/2013 Na analise anterior de 04/Jan/2013 quando o Índice ultrapassou, pela segunda vez a resistência 60.882, afirmei que poderia estar se iniciando a nova onda intermediaria (3), confirmando, assim, o término da onda (2) indicada no gráfico. Contudo, havia uma condição importante: seria necessário que o índice ultrapassasse a resistência 66.341 para que a onda intermediaria fosse reconhecida. Situação atual: O Índice retornou novamente para o antigo canal entre as duas linhas indicadas no gráfico. Por enquanto não significa nada, pois as estruturas das duas novas ondas consideradas ainda se mantêm. Contudo, caso o índice vare totalmente o novo suporte 58.313, significará que a contagem das ondas 1 e 2 está errada e o Índice retornará para as proximidades de (2).  Se o suporte cumprir sua função, o Índice retomará a alta e, ai sim, alcançará a resistência 66.341 com grandes possibilidades de superá-la, sem dificuldade. Observação: Para os amantes da Análise Técnica, os desdobramentos…

OPINIÃO – PREVISÕES PARA 2013 (Torcendo para que não aconteça)

Haverá seguidos apagões, motivo para muitas gargalhadas. Petrobrás continuará patinando no pré-sal. A economia crescerá menos de 3%, mas será um ano bom para a Bolsa. Mântega será substituído. Dilma fará mais discursos ao estilo Lula. Abismo Fiscal americano não terá solução à vista. O STF, única esperança dos brasileiros propiciará uma pizza suculenta para todos nós. Novos escândalos, ainda mais escabrosos, virão à tona. Haddad será melhor prefeito que Kassab. O crime, a única coisa realmente organizada no país, avançará com maior eficiência, incensado pela imprensa, garantido pela impunidade e com direitos humanos assegurados.

OPINIÃO – 01/12/2012

Em minhas analises do I. Bovespa de 06/Ago, reiterada na de 25/Out/2012 fiz a previsão de que o Índice iria perder pontos e possivelmente cairia para o suporte 55.883 podendo alcançar, em última instancia, o suporte de 49.432 pontos e até chegar à cota de A (47.793). Veja as analises na página BOVESPA. Como o índice tem oscilado desde então entre a resistência (60.882) e o suporte (55.883), não tenho feito atualizações porque nada aconteceu que demande explicações novas. O índice caiu como previsto e parece que agora corretoras, bancos e grafistas têm concordado comigo.  As configurações apontam para o índice nas cotas mínimas citadas acima, a serem atingidas ao redor de janeiro/fevereiro/2013. Aqui cabe uma advertência: não é o fim do mundo nem do mercado de ações. Pelo contrario, constitui uma rara oportunidade para se fazer muito dinheiro. Eis a razão: Falarei dos EUA onde há grande disponibilidade de dados das corporações, estatísticas de governo e indicadores quase sempre…

Análise – Índice Bovespa – Atualização em 25/10/2012

I.Bovespa – ATUALIZAÇÃO 25/10/2012 Já havia advertido em algumas analises anteriores que se o Índice Bovespa não varasse a resistência 60. 882 desenharia um novo tríplice que levaria o índice para próximo de 49.432. Ele varou e me fez pensar que havia completado a onda intermediaria (2), mas não se sustentou acima dessa linha e voltou a declinar com firmeza e mais,  já quebrou os padrões para se poder considerar essa baixa uma correção técnica.  Assim, onde havíamos assinalado como (2) estamos substituindo por (a) em 52.212, (b) em 63. 428 e (c) em curso com possibilidade de grande declínio. Venda e stop-loss  agora são recomendáveis para se  recomprar a preços mais reduzidos. ================= I.Bovespa – Atualização em 04/10/2012 O I. Bovespa falhou em se sustentar acima da linha de suporte 60.882. Temos duas hipóteses: 1º) Continua caindo até o nível de (2), 52.212, completando um novo tríplice, ou: 2º) reage, após as eleições e supera a citada linha dando…

Análise – Índice Bovespa – Atualização em 04/10/2012

Bovespa – Atualização em 04/10/2012 O I. Bovespa falhou em se sustentar acima da linha de suporte 60.882. Temos duas hipóteses: 1º) Continua caindo até o nível de (2), 52.212, completando um novo tríplice, ou: 2º) reage, após as eleições e supera a citada linha dando continuidade ao processo de alta. Razões: O governo interviu pesado na economia, fixando a taxa de câmbio, baixando a taxa de juros, intervindo nas comissões e taxas de serviços dos bancos, cartões de crédito, fundos de investimento, também nas companhias de eletricidade, telefônicas, saúde e concessionarias de serviços públicos ocasionando substancial queda nas cotações dessas empresas. As medidas parecem justas e boas para a economia, mas num primeiro momento se parece com o aconselhamento de Maquiavel ao Príncipe: “faça o mal de uma só vez e o bem continuamente, aos poucos”. Quanto à segunda hipótese, há sinais nas nuvens de mudanças favoráveis na economia.  Quem viver verá. ======================= I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 17/SET/2012 Boas…

Análise – Índice Bovespa – Atualização em 17/09/2012

I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 17/SET/2012 Boas notícias, o Índice superou as duas resistências e foi acima de 60882, confirmando o inicio da onda intermediaria (3). Esta será a mais longa e com as cinco ondas de mesmo grau darão vida à onda primária V que finalizará este período considerado Bull para ser seguido por outro período Bear. A duração desta onda (3) será de 15 a 24 meses, aproximadamente e alcançará a cotação de 94700. Portanto, esqueçam as crises econômicas e vamos às compras. ================= I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 22/AGO/2012 O I. Bovespa está apresentando dificuldades para varar a resistência superior 60.882. Como havia dito na analise anterior não há condições ainda para se afirmar que a onda intermediaria (2) terminou em C. Médias moveis desalinhadas tentarão puxar o índice para baixo. Outros indicadores também estão em contradição com a retomada de alta. É bem provável que o índice retorne para abaixo de C, formando um novo tríplice e alcance…

Análise – Índice Bovespa – Atualização em 22/08/2012

I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 22/AGO/2012 O I. Bovespa está apresentando dificuldades para varar a resistência superior 60.882. Como havia dito na analise anterior não há condições ainda para se afirmar que a onda intermediaria (2) terminou em C. Médias moveis desalinhadas tentarão puxar o índice para baixo. Outros indicadores também estão em contradição com a retomada de alta. É bem provável que o índice retorne para abaixo de C, formando um novo tríplice e alcance sustentação firme em 49.432.  É bom  notar que vários indicadores dão conta de uma retomada de alta nos mercados internacionais e que no presente momento o mercado é Bull. Aqui estamos finalizando a onda intermediara (2) que é correção e logo o mercado engata a onda (3) para dar continuidade à onda primária V, de alta. Lembre-se que ela iniciou em 29.435, valorização de 105% ! Bull, pois não? =========  I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 06/AGO/2012 O Bovespa que completou a onda intermediária (1) em 71.989…

Análise – Índice Bovespa – Atualização em 06/08/2012

 I.BOVESPA – ATUALIZAÇÃO EM 06/AGO/2012 O Bovespa que completou a onda intermediária (1) em 71.989 desenhou a partir de então um tríplice A(47.793); B(68.969 e C, a meu ver, ainda em formação.  A perna C desenhada até agora não tem um tríplice definido nem a queda foi em 5 ondas. É provável, portanto, que esta alta recente seja seguida por nova queda para completar a onda (2) nas proximidades de 49.432. Se a alta persistir e elevar o índice acima da resistência 61.946, então podemos considerar a onda (2) finalizada em 52.212. Ação a tomar: Observe o que se passa nas proximidades da resistência mencionada. Se o índice não conseguir varar e retornar, venda tudo e aguarde nova oportunidade de compra que surgirá. Mais seguro utilizar Stop-Loss. Bons investimentos.   ============ I.Bovespa – Atualização 17/05/2012 Ontem, 16/05, o índice varou a última sustentação calculada em 55.883, mas o fechamento se manteve acima desta linha. Hoje varou novamente e manteve o fechamento…

BOVESPA – 10 Mandamentos para investidores iniciantes

Uma ação representa uma companhia. Considere-se proprietário dela e saiba tudo o que está ocorrendo. Não compre ações sem estudar a companhia. Não há correlação entre o sucesso de uma companhia e o sucesso de sua ação, no curto prazo. No longo prazo a correlação é de 100%. Nunca invista em uma ideia que não a possa explicar com clareza. Quando insiders estão comprando é um bom sinal. Compre ações de companhias sólidas, com um histórico de sucesso e sente nelas. O tempo conta a seu favor. Evite ações de IPO. Elas não têm histórico conhecido, tem o preço fixado por critérios não técnicos e é como comprar um bilhete de loteria. É sorte, não investimento. Ninguém pode prever a direção do mercado de ações. Despreze as previsões e se concentre no que está ocorrendo com a “sua” companhia. Não diversifique demais a ponto de não ser capaz de fazer um bom acompanhamento das condições da empresa em que investiu.…