Notícias Rápidas de Portugal II

Os índices Dow Jones, Nasdaq e S&P 500 estão todos abaixo dos topos alcançados, há mais de um ano. Há três grandes obstáculos que são responsáveis por esta situação:

1 – A EPIDEMIA DAS TAXAS NEGATIVAS.

Os bonds de 10 anos dos governos do Reino Unido, Alemanha, Suíça e Japão, todos eles alcançaram seus picos históricos nesta semana, o que significa que também tiveram seus yields no fundo do poço. Os bonds alemães tiveram seu yield negativo pela primeira vez na história. Isso deve significar algo, né não?

A única razão para investidores possuírem bonds com taxas negativas é o medo. Preferem perder algum dinheiro e manter o principal a salvo garantido pelo governo. Nesta importante semana, o mundo viu mais de US$ 10 trilhões de bonds governamentais com rendimentos abaixo de zero. Alguns investidores institucionais acham que poderão ganhar algum se as taxas baixarem ainda mais, como esperam, o que resultará na elevação dos preços dos títulos. Parece loucura, mas esta é a realidade dos mercados globais, neste momento.

2 – BREXIT

Dia 23 deste mês, os britânicos votam se permanecem ou não na União Europeia. Nos últimos cinco dias, as ações europeias caíram 7% e as ações de bancos caíram 10%. Se os britânicos saírem, a Europa perderá uma importante fonte de renda e terá reduzida sua capacidade para socorrer países como a Grécia, a Itália, de errática política fiscal, e outros países membros em dificuldades. Também abrirá um precedente para que outros países sigam o mesmo caminho.

3 – CHINA

Apesar de os bancos centrais dos países denominados ricos (?) estarem adotando políticas monetárias para relançar a economia global, em franca recessão, nada tem dado certo. A pobre Yellen do FED já não sabe mais o que fazer. A China, como tem sido noticiado pela mídia, estaria queimando suas reservas nos EUA, ao ritmo de 900 bilhões por ano, para (é o que dizem) salvar o Yuan de uma maxidesvalorização. Já mostrei, em vários artigos sobre a China, disponíveis eaqui no meu site, que a China vem fazendo pesados investimentos no exterior, comprando terras, empresas, bancos e minas de ouro. Também comprovei que vem produzindo e importando ouro em grandes quantidades sem exportar absolutamente nada. E mais, mostrei quais os acordos que a China tem feito com países da América Latina, África, Oriente Médio e países da Eurásia para implantar um sistema financeiro internacional independente dos EUA, ameaçando a hegemonia do King Dollar nas transações comerciais e financeira mundiais. Todas essas informações que trouxe gratuitamente para meus leitores, estão sendo ocultadas dos americanos e do mundo em geral, pois não é conveniente, como devem perceber. Essa é a única razão pela qual o FED necessita urgentemente de aumentar a taxa de juros para continuar atraindo capital estrangeiro.

De qualquer modo, em outubro próximo, a verdade cairá como um fruto podre e explodirá nos mercados.

Se quiser se salvar, procure ler esses relatórios aqui no meu site e concluir por si mesmo.

Fique esperto.

3 thoughts on “Notícias Rápidas de Portugal II

  1. Caro Lineu. A questão de sua pergunta, a razão do mês de outubro, tem sim a ver com as eleições, pois só após elas as ocultações do governo de plantão vêm à tona. (Veja o que aconteceu no Brasil)
    Contudo o fator mais importante é que em outubro o Yuan, a moeda chinesa, entra definitivamente na cesta de moedas reservas SDR o que ocasionará uma enorme transferência de dólares para yuan, reduzindo a capacidade de financiamento da imensa dívida americana.
    Se tiver interesse em saber mais e compreender os fenômenos que irão acontecer em breve, afetando a nossa vida e a dos americanos, procure ler os 4 capítulos da Economia Americana, em meu site.

    Abraço,

    Dagoberto

  2. Olá Dagoberto, tenho lido seus artigos e agradeço as informações imparciais que tem postado. Muito longe de ser investidor e conhecer as regras do mercado financeiro, gostaria de saber porque é em outubro que esta verdade irá ser revelada?
    Existe relação com a eleição para presidente dos EUA?

    Sds.

    1. Caro Lineu. A questão de sua pergunta, a razão do mês de outubro, tem sim a ver com as eleições, pois só após elas as ocultações do governo de plantão vêm à tona. (Veja o que aconteceu no Brasil)
      Contudo o fator mais importante é que em outubro o Yuan, a moeda chinesa, entra definitivamente na cesta de moedas reservas SDR o que ocasionará uma enorme transferência de dólares para yuan, reduzindo a capacidade de financiamento da imensa dívida americana.
      Se tiver interesse em saber mais e compreender os fenômenos que irão acontecer em breve, afetando a nossa vida e a dos americanos, procure ler os 4 capítulos da Economia Americana, em meu site.

      Abraço,

      Dagoberto

Deixe você também seu comentário: